A Importância do Trabalho na Terceira Idade

A chegada dos cabelos brancos e da aposentadoria não significa o fim da vida profissional, não mais.
Durante muito tempo a aposentadoria era aguardada como o “merecido descanso, após uma vida inteira de trabalho”. Entretanto, muitas pessoas não querem esse descanso, afinal como se acostumar com a ociosidade depois de tanto tempo?

Alguns encontram atividades que preenchem o tempo livre, descobrem um novo talento ou um novo hobby. Outros preferem buscar outro emprego, às vezes no mesmo ramo, outras em um ramo totalmente distinto.

De olho nessa parcela da população que se mantém ativa, vários estabelecimentos oferecem vagas específicas para idosos. As redes de fast food e lojas de departamento estão entre os principais interessados no trabalhador da terceira idade. E graças a isso o mercado tem aberto uma série de benefícios e produtos voltados para esse público, desde cursos até planos de saúde. Uma atitude tomada pelas universidades públicas em parceria com o governo estadual é a UNATI, Universidade Aberta para a Terceira Idade, que já conta com parcerias em muitos estados, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e Amazonas, por exemplo.

Os benefícios para um idoso que estude e/ou tenha um trabalho, seja ele remunerado ou não, são muitos: diminuição no risco de desenvolvimento de doenças cognitivas ou emocionais, como a depressão; com o corpo e a mente em movimento, a qualidade de vida e auto-estima aumentam de maneira considerável. Além disso, caso o emprego seja remunerado, é possível ajudar com os gastos e despesas familiares.

É importante lembrar que o idoso deve escolher uma função de acordo com as suas capacidades físicas, que não exija esforços além do que poderá suportar. Outra questão fundamental é não se envolver com atividades que ofereçam algum tipo de risco para a saúde, tanto física quanto psicológica. Assim, o trabalho cumprirá os seus objetivos: aproveitar a terceira idade da maneira desejada e saudável.

Gostou? Então Compartilhe!
This entry was posted in Uncategorized.

One Response to A Importância do Trabalho na Terceira Idade

  1. João Bosco says:

    Sinceramente, neste país os idosos (experientes) são vistos como um estorvo, como uma pessoa que dá prejuízo etc.
    Falta muito para se fazer em benefício ( trabalho) não ajuda, aos idosos.
    Dar-lhe emprego de Ofice Boy para ficar nas filas de Bancos por horas para fazer pagamentos, é exploração, pois não pagam nada.
    90% dos empregos oferecidos não condizem com as condições dos idosos (experientes) , preferem os mais jovens, menos experientes e assim tentar economizar alguns centavos, sem contar com a perda de tempo em explicações, ensinamentos, etc.
    Se para pagarem os BENEFÍCIOS que nos devem vão levar 3 anos, que dirá para se arrumar um bom emprego, rentável e digno? 10/20 anos?
    Ai já morremos todos.

    João Bosco

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>